Instituto Açoriano de Cultura Página inicial | Arquivo de Newsletters | Associe-se | Contactos | Mapa do site
Newsletter
 
 

N.º 01 02/01/2017

CIDH Boletim #4

Divulgação das atividades realizadas entre os meses de outubro e dezembro de 2016 no âmbito da Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização (CIDH), da Universidade Aberta.

Ciclo de Estudos Televisivos | outubro e novembro

O Gabinete de Estudos de Cultura em Artes Performativas e Audiovisuais (integrado no Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, polo da Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização), em parceria com a Rádio e Televisão de Portugal, organizou o primeiro ciclo de estudos exclusivamente dedicado à criação audiovisual para televisão.

Assim, no dia 3 de outubro, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, foi apresentada a obra O Tal Canal, RTP 1982; a 10 do mesmo mês, Paraíso Filmes, RTP 2001; no dia 17 de outubro, Odisseia, RTP 2012. Tendo como enquadramento estas três obras, realizou-se, a 27 de outubro, uma sessão de debate temático sobre o humor, os programas de humor e o humor nos programas, na qual participaram Catarina Molder (soprano, diretora artística e apresentadora), José Pedro Serra (professor catedrático da FLUL) e Luís Filipe Borges (ator, apresentador e guionista em teatro, televisão e cinema).


A 31 de outubro, foi apresentado O Jogo da Verdade, RTP 1969; ao dia 7 do mês seguinte, a obra Morte D’Homem, RTP 1988; a 14 de novembro, Pós de Bem-Querer, Episódio 1, RTP 1990. Com base nestas três obras, realizou-se, no dia 24 de novembro, uma sessão de debate temático sobre a Ficção, nomeadamente sobre a importância das séries de ficção na sociedade do século XXI, que teve a participação de António Torrado (vencedor do prémio Bernardo Santareno para o melhor espetáculo de 2006), Teresa Malafaia (professora auxiliar da FLUL) e Virgílio Castelo (ator e atual consultor para a ficção da RTP).


Jesuítas, Construtores da Globalização | Lançamento

No dia 13 de outubro, pelas 18h00, no Museu Nacional de História Natural e da Ciência (Lisboa), o Padre António Vaz Pinto e Miguel Real apresentaram a obra Jesuítas, Construtores da Globalização, da autoria de José Eduardo Franco e Carlos Fiolhais.  A 15 de dezembro, pelas 16h00, no Anfiteatro do Laboratorio Chimico (Museu da Ciência, Coimbra), a apresentação desta obra ficou a cargo de José Augusto Bernardes (Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra).

Academia(s) em Interface

A 13 de outubro, pelas 18h30, na FNAC do Colombo, decorreu a sessão subordinada ao tema 500 Anos / Utopia. Com a coordenação de Annabela Rita e Pedro Saraiva, participaram nesta sessão Rui Rego, Mendo de Castro Henriques e António José Borges. No dia 3 do mês seguinte, no mesmo local, Debora Ricci e Fabio Mario Silva debruçaram-se sobre a temática Luso-italianamente: Estudos de Género, numa sessão coordenada por Annabela Rita e Pedro Saraiva.

Evolucionismo nos Açores e Outros Estudos | Apresentação 

O livro Evolucionismo nos Açores e Outros Estudos, da autoria de Luís M. Arruda, foi apresentado por Carlos Assis no salão nobre da Universidade Aberta, em Lisboa, no dia 14 de outubro, numa sessão que contou com a presença do Reitor da Instituição, Professor Doutor Paulo Maria Bastos da Silva Dias.

Conferência | Atlântico Insular e Globalização

  No âmbito da Semana do Mar 2016 e da V Expomar de Cabo Verde, nos dias 19 e 20 de outubro, decorreu, em Mindelo, São Vicente, a Conferência Atlântico Insular e Globalização, evento organizado pela Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização.

Congresso de História das Ciências da Saúde. Do combate da enfermidade à invenção da imortalidade

A primeira edição do Congresso de História das Ciências da Saúde PHÁRMAKON - Do combate da enfermidade à invenção da imortalidade realizou-se entre os dias 26 e 28 de outubro, no Museu da Farmácia, em Lisboa. No evento, os cerca de 50 oradores nacionais e internacionais debruçaram-se sobre a evolução do conceito de saúde desde a pré-história até à atualidade.

Este congresso foi promovido pelo Instituto Prometheus, em parceria com a Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização, o Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (CLEPUL), o Museu da Farmácia e o Instituto Europeu de Ciências da Cultura Padre Manuel Antunes (IECCPMA)

Congresso Internacional Um Construtor da Modernidade: Lutero – Teses – 500 Anos | Sessão de apresentação

No dia 9 de novembro, às 11h00, decorreu, no Auditório do Goethe-Institut, a sessão de apresentação do Congresso Internacional Um Construtor da Modernidade: Lutero – Teses – 500 Anos.

     Foram oradores convidados Guilherme d’Oliveira Martins (Fundação Calouste Gulbenkian), José Vera Jardim (Comissão da Liberdade Religiosa) e José Eduardo Franco (CIDH-Universidade Aberta/CLEPUL).

Congresso Cláudia de Campos. Cultura, Literatura, Memória e Identidades

  Por ocasião do Centenário da morte de Cláudia de Campos, realizou-se, entre 23 e 26 de novembro, o Congresso Cláudia de Campos. Cultura, Literatura, Memória e Identidades. Nos dias 24 e 25, os trabalhos decorreram na Biblioteca Nacional de Portugal (Lisboa) e, no dia 26, no Centro de Artes de Sines.

Congresso Monsenhor José de Castro: vida, obra e pensamento

  A 9 de dezembro, realizou-se, na sala de atos da Câmara Municipal de Bragança (Teatro Municipal), o Congresso Monsenhor José de Castro: vida, obra e pensamento. Este evento científico foi promovido pela Câmara Municipal de Bragança e pela Diocese de Bragança-Miranda, em parceria com a Universidade Católica Portuguesa e a Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização.

Seminário Internacional Portugueses de Papel

  Entre os dias 12 e 14 de dezembro, ocorreu, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, o I Seminário Internacional Portugueses de Papel, uma atividade desenvolvida pelo Grupo de Investigação 6 do Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (CLEPUL), integrado na Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização. Foi convidado deste seminário o Professor Carlos Reis, da Universidade de Coimbra, que proferiu a conferência Nome e figura: para uma lexicografia da personagem.

 

Seminários à Hora do Almoço | outubro a dezembro

  Por iniciativa do Círculo de Cipião – Academia de Jovens Investigadores, do Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias da FLUL (CLEPUL), da Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização e da Tertúlia Letras com Vida, realizaram-se, entre os meses de outubro e dezembro, diversas sessões dos Seminários à Hora do Almoço, subordinadas a várias temáticas e apresentações.

  Assim, Samuel Oliveira, a 12 de outubro:  A constituição do si de acordo com o segundo discurso de Sócrates no Fedro; a 17 do mesmo mês, Heloísa Martins Dias (UNESP): O romance Passagens, de Teolinda Gersão: a morte em três atos; na sessão seguinte, Leny Gomes, do Centro Universitário Ritter dos Reis, de Porto Alegre: O jogo textual de Osman Lins;Rui Ferreira, a 26 de outubro: The Art of Defence on Foot – A sistematização ou o controlo do instinto; 27 de outubro, Alexandre Guimarães, diretor do Centro de Comunicação e Letras da Universidade Presbiteriana Mackenzie (Brasil): O mito de Hades em Gil Vicente e J. K. Rowling. Na primeira sessão do mês de novembro, José Eduardo Franco, diretor da Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização: Congressos e Progressos: notas históricas, modelos e práticas institucionais;a 16 de novembro, José Luís Garcia, do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa: Aspetos da vida, obra e pensamento de Mário Domingues;no dia 21, Osvaldo Vieira: O Messianismo na Ilha da Madeira nos Séculos XIX e XX;a 30 de novembro, Pedro Manoel Monteiro (UNIR/CNPq): Bildungsroman feminino nos contos cabo-verdianos. Na sessão de 6 de dezembro, Marilene Weinhardt, da Universidade Federal do Paraná, debruçou-se sobre A ficção histórica brasileira depois de 2010.

Seminário Permanente de Estudos Globais | Sessões II e III

No dia 29 de novembro, pelas 18h00, realizou-se, na Biblioteca da Imprensa Nacional-Casa da Moeda, a segunda sessão do Seminário Permanente de Estudos Globais, atividade desenvolvida pela Imprensa-Nacional Casa da Moeda no âmbito da Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização. Foi oradora convidada Lilian Jacoto, professora da Universidade de São Paulo (Brasil), que falou acerca de Um ensaio sobre o mundo contemporâneo na perspetiva crítica de Gonçalo M. Tavares.

Na terceira sessão, a 20 de dezembro, António Mega Ferreira discursou sobre O boom latino-americano, fenómeno literário global.

CIDH | Universidade Aberta - Palácio Ceia
Rua da Escola Politécnica, 147  1269-001 Lisboa
T. (00351) 300 002 894 / 912 387 559 / 966 754 980 / 934 323 983 / 961 088 814
Endereço de correio eletrónico: cidh.global@gmail.com
Página Webhttp://cidh-global.org