Instituto Açoriano de Cultura Página inicial | Arquivo de Newsletters | Associe-se | Contactos | Mapa do site
Newsletter
 
 

N.º 25 16/09/2009

IAC APRESENTA OBRA
ANGRA DO HEROÍSMO: ARQUITECTRA DO SÉCULO XX E MEMÓRIA COLECTIVA



Na próxima sexta feira, dia 18 de Setembro pelas 18h00, o IAC-Instituto Açoriano de Cultura apresenta, no salão nobre dos Paços do Concelho, a obra do Arq. Paulo Duarte de Melo Gouveia intitulada Angra do Heroísmo: Arquitectura do Século XX e Memória Colectiva.

A apresentação pública desta obra, associada a uma conferência a proferir pela Arq.ª Ana Vaz Milheiro, conta com o apoio da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo.

Esta obra, resulta da tese de doutoramento do autor, apresentada na Universidade de Évora no ano de 2002, integra o plano editorial do Instituto Açoriano de Cultura para assinalar o 25º aniversário da inscrição da zona antiga da cidade de Angra do Heroísmo na Lista dos Bens "Património da Humanidade" da UNESCO.

Na obra em questão, o autor procedeu a um exaustivo levantamento e caracterização das principais intervenções arquitectónicas ocorridas ao longo do século XX, no núcleo central da cidade de Angra, algumas delas (infelizmente) já alteradas ou desaparecidas.

Num total de 280 páginas, esta obra vem preencher uma lacuna na história da cidade, pois o seu conteúdo científico corresponde à necessidade de satisfazer um público exigente e interessado em conhecer a cidade de Angra do Heroísmo nos seus aspectos arquitectónicos e históricos. Sendo a abordagem dos temas e o discurso contido nos seus textos acessível ao público em geral.

Paulo Duarte de Melo Gouveia nasceu na cidade de Angra do Heroísmo. Licenciou-se em Biologia pela Universidade de Coimbra em 1970, e em Arquitectura pela Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa em 1978. Frequentou o curso de pós-graduação em Restauro e Conservação Arquitectónica pelo International Center for the Conservation and Restauration of Monuments, ICCROM, em Itália no ano de 1982 e defendeu o doutoramento em Arquitectura na Universidade de Évora em 2002. Desempenhou diversos cargos dos quais destacamos a colaboração junto da Universidade dos Açores na reconstrução da cidade Angra do Heroísmo, destruída pelo sismo de 1 de Janeiro de 1980. É autor da obra Arquitectura Baleeira nos Açores/Whaling Architecture in the Azores, editada pela Presidência do Governo Regional dos Açores (Angra do Heroísmo, 1996) e autor de diversas conferências e trabalhos arquitectónicos, dos quais foi diversas vezes premiado.

Ana Vaz Milheiro nasceu em Lisboa. É licenciada e mestre em Arquitectura pela Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa e defendeu o doutoramento na Faculdade de Arquitectura e Urbanismo da Universidade de S. Paulo. É autora dos livros “A Construção do Brasil – Relações com a Cultura Arquitectónica Portuguesa” editado em 2005 e “A minha casa é um avião”, editado em 2007. Conhecedora profunda da arquitectura contemporânea portuguesa, é crítica de arquitectura no jornal Público, tendo artigos publicados em Portugal, Espanha e Brasil. Actualmente lecciona no ISCTE e prepara o pós-doutoramento.