Instituto Açoriano de Cultura Página inicial | Arquivo de Newsletters | Associe-se | Contactos | Mapa do site
Newsletter
 
 

N.º 7 12/02/2009


IAC publica Actas do Colóquio sobre o Liberalismo nos Açores



Acaba de sair do prelo, sob a chancela do IAC-Instituto Açoriano de Cultura, uma obra que reúne as comunicações apresentadas por ocasião do colóquio realizado por este instituto em 2007, intitulada O Liberalismo nos Açores: do Vintismo à Regeneração. O Tempo de Teotónio de Ornelas Bruges.

Recorda-se que aquele colóquio teve lugar nas ilhas Terceira e São Miguel, entre os dias 25 e 28 de Abril de 2007, e reuniu mais de trinta estudiosos do tema e da época, trazendo aos Açores, durante aqueles dias, importantes registos e trabalhos de investigadores do país e do estrangeiro, que abrangeram as mais diversas visões de um movimento que marcou a história dos Açores e de Portugal, com um especial protagonismo dos Açores e em especial da ilha Terceira.

Esta obra, com cerca de 530 páginas, reúne vinte e nove comunicações dos seguintes autores: António Bento Fraga Barcelos, António Lopes, António Valdemar, Artur Teodoro de Matos, Braz Augusto Brancato, Carlos Cordeiro, Carlos Enes, Carlos Guilherme Riley, Carlos Melo Bento, Emílio La Parra, Eugénio dos Santos, Fernando Jorge Vieira Pimentel, Jácome de Bruges Bettencourt, José Damião Rodrigues, José Miguel Sardica, José Olívio Rocha, Luís de Oliveira Ramos, Luís Fagundes Duarte, Maria Cândida Proença, Maria Fernanda Enes, Maria Margarida de Maia Gouveia, Maria Margarida Rego Machado, Ofélia Paiva Monteiro, Paulo Drumond Braga, Paulo Silveira e Sousa, Ricardo Pessa de Oliveira, Susana Goulart Costa, Susana Serpa Silva e Valdemar Mota.

Para Jorge Bruno “a publicação desta obra é mais um contributo do Instituto Açoriano de Cultura para a historiografia dos Açores, especialmente na medida em que reúne em livro um conjunto muito significativo de investigações e reflexões em torno da temática do Liberalismo nos Açores que passa a constituir a mais relevante sistematização do tema até ao momento publicada.”